AKIRA TORIYAMA – ENTREVISTA SHONEN JUMP (EUA)

by Kami Sama Published on: 7 de setembro de 2010
Comments: No Comments
Tags: , , ,
0
0

Akira Toriyama – Entrevista Shonen Jump – EUA

Shonen Jump (sigla referida como “SJ”): Quantos anos você tinha quando começou a desenhar? Que tipo de coisas você desenhava?
Akira Toriyama (sigla referida como “T”): Eu comecei desenhando-copiando personagens de mangás de outras pessoas quando eu tinha por volta dos 5 anos, mas eu só comecei a desenhar manga com um roteiro próprio por volta dos 22 anos.

SJ: Quais são suas influências artísticas?
T: Eu era um ávido espectador de animes até eu ter uns 10 anos, quando eu mudei para mangás. Eu acho que sou influenciado por trabalhos de Osamu Tezuka e Walt Disney, os quais eu assistia naquela época, tais como Tetsuwan Atom (“Astro Boy”) e os 101 Dálmatas.

SJ: Como você se tornou um mangaka?
T: Eu enviei uma história a um concurso mensal para artistas amadores na Weekly Shonen Jump. Ela não venceu, mas depois daquilo eu fui contatado por um dos editores (Kazuhiko Torishima, hoje Diretor-Chefe da Weekly Shonen Jump), e depois que eu estudei por mais ou menos um ano, eu virei um profissional.

SJ: Você tem uma incrível habilidade de desenhar qualquer coisa no mundo em seu próprio e distinto estilo. Você normalmente usa material de referência para desenhar diferentes objetos, lugares, ou coisas?
T: Eu quase nunca uso material de referência para lugares, mas para objetos, por exemplo, se existe um modelo próprio de carro que eu goste, eu usarei um livro como referência para desenhá-lo.

SJ: Qual tipo de material de desenho você usou p/ Dragon Ball? Com que tipo de material de desenho você trabalha hoje?
T: Eu não tenho certeza se esses materiais estão disponíveis nos EUA, mas em Dragon Ball eu usei G-pens (um tipo de caneta-nanquim), Papel Kent (um papel do tipo Bristol Board, feito no Japão), tinta a prova d’água e tintas coloridas para pintura. Hoje eu uso um MacIntosh para colorir.

SJ: Eu ouvi que você está recolorindo, possivelmente até redesenhando, partes de Dragon Ball para uma “Perfect Edition”. Como é a sensação de resenhar Goku e cia pela primeira vez em tanto tempo?
T: Eu não redesenhei nada do mangá em si, porque senão eu começaria a implicar com tudo. Apenas novas capas. Desenhar isso de novo pela primeira vez em tanto tempo produziu uma mistura muito complicada de emoções, combinando nostalgia com o sentimento de não mais querer desenhar Dragon Ball.

SJ: Dragon Ball foi traduzido em várias línguas diferentes ao redor do mundo, e parece ter um apelo extremamente universal. Como você se sente sobre ter sido traduzido em muitas e muitas línguas?
T: Claro que faz me sentir muito feliz, mas eu continuo tentando viver como sempre vivi, sem realmente pensar nisso.

SJ: Em quais projetos novos ou mangás você está trabalhando ultimamente?
T: Agora eu me afastei um pouco dos mangás, e estou estudando coisas que eu sempre quis fazer, como livros de design e ilustrações.

SJ: Qual mensagem você gostaria de dar aos seus fãs americanos?
T: Essas pessoas que na distante América são fãs de Dragon Ball, me fazem verdadeiramente feliz. O método de produção de quadrinhos no Japão é muito agitado, mas também compensador, porque é possível fazer tanto a história, quanto arte por si só. Desse modo, é possível mostrar a individualidade. Se essa idéia lhe atrai, eu o convoco a tentar desenhar seu próprio mangá. Porque as pessoas que podem desenhar mangás que americanos irão amar verdadeiramente são americanos como você.

SJ: De 1984 a 1985 como era sua rotina de trabalho em Dragon Ball?
T: A maioria dos Mangás no Japão são desenhados no formato shukan (semanal), então eu desenhava um episódio por semana (NE: aproximadamente 14 páginas, mais uma página de capa). Mas para mim esse ritmo era muito difícil, e eu não gostava nem um pouco disso.

SJ: Dragon Ball desenvolveu-se de uma comédia para uma série de ação/lutas. Você sente que seu estilo de desenho mudou no processo?
T: Eu não estava particularmente consciente sobre isso, mas meu estilo de desenho mudou de acordo com as circunstâncias. Mas quando se trata disso, mais do que nada, eu gosto de desenhar comédias tolas e absurdas.

SJ: Eu ouvi que muitos desenvolvimentos de enredo em Dragon Ball foram influenciados por cartas de leitores. Isso é verdade? Se sim, você pode nos dar um exemplo concreto?
T: Partes dele foram, sim, por exemplo, pegue Vegeta quando apareceu pela primeira vez, como um vilão. Mas pelo fato dele se tornar muito popular, ele permaneceu na série a partir daquele ponto.

SJ: Dragon Ball parece ter influenciado muitos jogos de video game e mangás. De onde você tirou a idéia para os ataques que aparecem em Dragon Ball, tais como o KameHameHa, e todo o poder chi?
T: Chi (NE: conhecido também por “Ki”) foi muito usado na China desde tempos antigos, mas supõe-se que seja sem forma e invisível. Todavia no mangá, para torná-lo mais fácil para qualquer leitor captar, foi necessário dar-lhe uma forma. Para o KameHameHa, eu mesmo fiz um monte de diferentes poses e escolhi aquela que pensei ser a melhor.

SJ: Eu ouvi que você é fã de Jackie Chan. De todos os filmes de Jackie Chan, qual é o seu favorito?
T: Drunken Master (primeiro filme). Se eu não tivesse assistido esse filme, eu nunca teria criado Dragon Ball.

SJ: Você é fã de luta-livre? Eu pergunto porque em Dragon Ball existem alguns personagens desse estilo como Senhor Satã.
T: Infelizmente, eu não sou um grande fã de luta-livre.

SJ: Quais são seus hobbies? Como você passa seu tempo livre?
T: Na verdade, eu tenho um monte de hobbies, mas eu mantive kits de montagem de modelos por mais tempo. Em particular, eu amo modelos militares.

SJ: Eu ouvi que Dragon Ball foi inspirado particularmente por uma viagem a China. De todos os lugares que você visitou, quais foram particularmente memoráveis? Você faz muitos desenhos quando viaja?
T: Eu estive em muitos lugares, mas Austrália, na qual eu senti um prazeroso equilíbrio entre cidades e seus magníficos espaços naturais, me tocou demais. Eu não desenho nada em particular durante minhas viagens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *

61.437 Spam Comments Blocked so far by Spam Free Wordpress

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

KAMI SAMA EXPLORER
INDEX  Principal New Page 1


 INDEX

Principal
Old News
Facebook
E-mail
Twitter
Youtube
Flickr

 JOGOS ONLINE
Uranai Game
Seu Poder de Luta
Nome em Japonês

 AKIRA TORIYAMA
Introdução
Biografia
Toriyama Exhibition
Toei Anime Fair
BIRD STUDIO
Comentários
Entrevistas

 DRAGON BALL
Aura e Magia
Cabelos
Cronologia
Detecção de Ki
Dubladores
Esferas
Falsas Fusões
Falsos Super Saiyajins
Fusões
Galáxias
Hierarquia
Itens
Ki
Letras
Linhas Temporais
Mortes
Dialeto Namek-go
Níveis Saiyajins
Nomes dos personagens
Números em Dragon Ball
Outro Mundo
Personagens
Planetas
Poder de Luta
População/ Censo
Símbolos
Técnicas
Veículos
Primeira Aparição

 MANGÁS
Awawa World
BattleMan F-1 GP!
Cashman
Chobit
Cowa !
Dr. Slump
Dragon Quest
Dub e Peter
Escape
Go ! Go ! Ackman
Haigyo no Mahi Mahi
Kajika
Karamaru
Kennosuke sama
Kintoki
Lady Red
Mad Matic
Mamejiro
Mysterius Rain Jack
Mr. Ho
Mr. Rocky
Pink
Pola & Roid
Sand Land
Sakugenkijo
Sonchou
Toccio The Angel
T. Highlight Island
Tokimecha
Tomato Girl Detective
Tongpoo
Uchujin Peke
Wonder Island

 ARTWORK
Naruto Hiden Kai no Sho
25 YEARS WITH JOJO

 ANIME
O Anime
Anime pelo Mundo
Aberturas e Encerramentos
Guia de Episódios Dragon Ball
Guia de Episódios Dragon Ball Z
Guia de Episódios Dragon Ball GT

 MANGÁ
O Mangá
Mangá vs. Anime
Mangá pelo Mundo
Plágio

 KANZEBANS
Capas

 DRAGON BALL SD
O Mangá
Scans

 DRAGON BALL NO BRASIL
História
Mangá
TV
Datas
Censura
Dragon Ball na Mídia
Dragon Ball na internet

 EXTRAS
Game Guides
OST CD Games
Jogos Cancelados

 REVIEWS
Super Cassette Vision
NES
Game Boy
Mega Drive
SNES
Terebikko
PC ENGINE
3DO
JAMMA
SYSTEM 32
Saturn
Playstation
Pippin
Playdia
Playstation 2
Game Boy Advance
Game Cube
PSP
Mini-Games
Design Master
Palmtop

 DAIZENSHUUS
Introdução
Complete Illustrations
Story Guide
TV Animation 1
World Guide
TV Animation 2
Movies & TV Specials
Daijiten
Cardass Perfect File 1
Cardass Perfect File 2
TV Animation 3

 BIRD LAND PRESS
Introdução

 LIVROS
Mangaká
Movie Books
Outros Livros

 FILMES/ESPECIAIS
DVD Dragon Box
Especiais
Filmes

 ÁUDIO
LPs e Fitas Cassete

 IMAGENS
Akira Toriyama
Autógrafos
Cards
Cosplayers
F1 & Senna
Model Sheets/ Concept Arts
Produtos

 DRAGON FALL
Introdução

 ZINES
Dragon Ball Milênio
Dragor Pall

 FLICKR


 

 


Kami Sama Explorer em nenhum momento infringe o Copyright de Dragon Ball pertencentes à BIRD STUDIO e SHUEISHA Inc., além de não estar envolvido em qualquer produção oficial feita por elas. Este site é de caráter educativo e todo o material referente à Dragon Ball tem como único propósito levar ao conhecimento das pessoas tal obra, nada mais do que isto. O mesmo vale para qualquer outro anime aqui citado, seja de Akira Toriyama ou não. KSE, KSE2k e Kami Sama Explorer são nomes fantasias pertencentes a Anderson "Kami Sama" e Akauê "Ginyu" Barko. É proibida a reprodução ou cópia, parcial ou total deste site. O uso sem permissão de qualquer link existente neste site não será permitido. Os direitos autorais deste site são protegidos pela lei nº 9.610 de 19 de fevereiro de 1998. Quaisquer  dúvidas mande-me um e-mail. Obrigado. :)

FACEBOOK

junho 2017
S T Q Q S S D
« maio    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  
Follow Me
FacebookFlickrYoutube

Welcome , today is segunda-feira, 26 de junho de 2017