THE ADVENTURES OF TONGPOO

Tongpoo

The Adventures of Tongpoo
Lançamento: Dezembro, 1983 (ed. 52 Weekly Jump)
Nº de páginas: 45

The Adventures Of Tongpoo é uma curta história de 45 páginas que foi publicada integral e originalmente  na edição de número 52 da Weekly Shounen Jump de Dezembro de 1983.

Posteriormente, The Adventures Of Tongpoo foi republicada na compilação de histórias curtas “Akira Toriyama One Shots”, vol 2  de Março de 1988, sob o selo JC (Jump Comics), e em uma outra compilação de Junho de 2003, na “Akira Toriyama One Shots” nº 1, sob o selo SJR (Shueisha Jump Remix).

A história começa no espaço sideral, a bordo da nave de exploração Planet 12. Ela é a décima segunda nave a ser enviada da Terra ao espaço com o objetivo de encontrar planetas onde os humanos pudessem habitar. Na nave, há apenas um tripulante que está em estado de animação suspensa faz cinco anos, ele é um jovem garoto terrestre chamado Tongpoo. Subtamente, um despertador toca e, depois de se arrumar, ele vai até a “ponte” da nave para descobrir que não há planeta algum em vista, mas o alarme de emergência está acionado. Com 56 segundos para a nave explodir, ele consegue entrar em uma pequena nave de emergência chamada Scout e fugir a tempo da Planet 12 que explode logo em seguida.

Para azar de Tongpoo, ele não faz idéia de onde esteja e a Scouter não é uma nave grande o bastante para levá-lo de volta para a Terra, entretanto ele avista um planeta e resolve ir até lá. Uma vez no planeta, ele vê que além de um ar limpo e respirável com peixes “nadando” nele (no ar), o planeta é cheio de água e plantas em pequenas ilhas. Ele revolve explorar o planeta e pega em sua mochila uma caixa lotada de uma espécie de cápsulas hoi-poi. A diferença aqui fica por conta de que essas tem que ser jogadas em água fervente para funcionar. Coisa que ele faz de pronto com uma lata de atum improvisada e uma panelinha. Então PUFF!!! E uma motoneta voadora aparece!

Voando pelos arredores, ele acaba esbarrando nos destroços de uma grande nave parcialmente submersa que ele pensa ser alienígena, mas para seu espanto ele descobre que aquela é a Planet 8 que tinha deixado a Terra dois anos antes dele, com três tripulantes. Perto da nave, ele acaba encontrando o esqueleto de um dos tripulantes, que parecia ter morrido com um tiro. Temeroso e com sua pistola em punho, Tongpoo continuou a explorar os arredores da nave e assim acabou por encontrar uma lindíssima garota que se banhava nua. Passado o susto inicial, a garota se vestiu, secou os cabelos e permitiu a Tongpoo se virar. A garota estava segurando um fuzil enorme e perguntou calmamente a Tongpoo como é que se usava a arma. Ele explicou tim-tim por tim-tim e devolveu a arma a ela, que depois de agradecer começou a atirar no coitado do Tongpoo achando que ele era um alienígena.

Depois de tudo esclarecido, a garota contou que dois dias depois que a Planet 8 tinha pousado lá, uma outra nave surgiu e de dentro dela saiu um alienígena que matou os seus dois companheiros. Tongpoo tem a idéia de roubar essa nave para que eles possam sair de lá, porém como já vai anoitecer, ele a convida para dormir em sua casa. A garota se apresenta com Buramo e depois de ferver a água  e jogar uma cápsula na latinha, Tongpoo faz com que uma casa apareça. Dentro da casa, Tongpoo descobre que Buramo não conhece nada de máquinas e astronomia, porém ela mostra que tem super poderes, entortando uma colher com a mente, o que não impressiona Tongpoo nem um pouco. Na verdade nem ela sabe o que fazer com esse poder!

No dia seguinte eles vão de encontro a nave alienígena. Buramo está vestindo uma roupa super sexy na esperança de seduzir o tal alienígena. Quando eles estão espionando a nave, Buramo entra correndo na nave sem tomar nenhuma precaução e Tongpoo, preocupado, vai atrás atrás dela.  Eles constatam que a nave está vazia e Buramo sai da nave para se esconder, enquanto Tongpoo procura pela sala de controle. Depois que ele a encontra, Tongpoo percebe que seria impossível pilotar a nave devido ao tamanho dos controles e a solução que ele encontra é explodir com tudo. Como ele esqueceu de trazer uma bomba relógio, ele improvisa uma com duas barras de gelo e uma granada, para depois sair correndo rapidinho!

For a da nave ele esbarra com o gigantesco alienígena segurando Buramo que clama por socorro a Tongpoo. Ele descarrega sua arma no gigante sem causar nenhum efeito. O alienígena  alveja Tongpoo no peito, que cai no chão. O alienígena está pronto para comer Buramo, mas ela consegue escapar. Nisso Tongpoo se levanta e é alvejado novamente. Só então descobrimos que ele é um cyborg e muito forte pois ele detona o alienígena em dois palitos. Faltando pouco tempo para a granada explodir, eles fogem da nave que explode logo em seguida.

Já em casa indagando-se como eles vão fazer para sair do planeta, Buramo diz que eles podem tentar ir até um outro planeta encontrar uma nave, afinal a Terra é muito distante.  Como a Scout é muito pequena e só dá para um, eles saem do planeta com Buramo pilotando e Tongpoo se segurando como pode pelo lado de for a da nave, afinal ele é um cyborg!

E este foi apenas o começo de uma longa aventura para Tongpoo. Ao menos é assim que o Toriyama deixou a entender, porém The Adventures Of Tongpoo nunca teve uma continuação publicada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*